DERMATOPEDIATRIA

Dermatologia Pediátrica - UFPR

JUSTIFICATIVA DE OFERTA E HISTÓRICO

Desde 1987 o Serviço de Dermatologia Pediátrica funciona no Departamento de Pediatria do Hospital de Clínicas da

Universidade Federal do Paraná atuando nas seguintes áreas:

 Ensino: orientação de alunos dos internatos obrigatórios e eletivo em Pediatria; das especializações em Pediatria e

Dermatologia Pediátrica; do Mestrado e Doutorado em Pediatria. Organização de Cursos de Extensão e Eventos de extensão,

assim como Simpósios a nível Nacional.

 Assistência: atendimento especializado em ambulatório, serviço de pronto atendimento e unidade de internação de

urgência, dos doentes internados na enfermaria de Pediatria e serviço de Neonatologia e em outros Departamentos do Hospital de Clínicas da UFPR. É serviço de referência para pacientes de Curitiba, área Metropolitana e Estados vizinhos.

Pesquisas: fazem parte permanente das pesquisas estudos epidemiológicos das doenças de pele predominantes no

município e região metropolitana com trabalhos já apresentados em seminários no Departamento de Pediatria e também como material para tese no Mestrado em Pediatria assim como no Doutorado em Saúde da Criança e do Adolescente; estudo de casos

clínicos e levantamento de casuística de várias doenças dermatológicas, sua frequência e respostas terapêuticas para estabelecimento de protocolos de atendimento. Também estudo prospectivos de investigação clínica para realização de Trabalhos de conclusão de Curso da Medicina e da Especialização em Dermatologia Pediátrica, assim como de Mestrado e

Doutorado em Saúde da Criança e do Adolescente.

Histórico

É de conhecimento que nos ambulatórios e pronto-atendimento em Pediatria as consultas por doenças de pele

representam 15 a 30% do total das consultas atendidas.

No Hospital de Clínicas, nos ambulatórios e Pronto Atendimento do Departamento de Pediatria essa porcentagem foi em

média de 10%, o que situa as doenças de pele como parte do Atendimento Primário e, em consequência, pressupõe-se que o

pediatra deva saber resolvê-las.

Extensos estudos epidemiológicos das doenças de pele em pediatria, inclusive aquele realizado no Departamento de

Pediatria do Hospital de Clínicas, mostraram que apenas 10 doenças são responsáveis por 80% do total de atendimentos, e

dentre elas constam como as mais frequentes as infecções bacterianas, virais e fúngicas, os eczemas, o prurigo e os hemangiomas.

O Curso de Especialização em Dermatologia Pediátrica proposto é resultado dessa constatação e seu objetivo é

proporcionar ao Pediatra conhecimentos sobre as doenças de pele frequentes assim como as raras, permitindo atendimento

adequado para as crianças com doenças cutâneas.

A experiência acumulada em 35 anos do Serviço de Dermatologia Pediátrica do Departamento de Pediatria

demonstraram que, na primeira consulta, apenas uma pequena parcela de pacientes portadores de doenças de pele é atendida por especialista de pele e evidenciou ainda que o ensino já proporcionado ao residente modificou o perfil do atendimento no

ambulatório de Dermatologia Pediátrica, com redução da frequência de algumas doenças de pele comuns na criança, tais como:

dermatite seborreica, impetigo e candidíase, mostrando a melhora da resolução das dermatoses mais simples em nível de atendimento primário. Além disto permite ao pós-graduando da especialização amplo conhecimento sobre as doenças

dermatológicas na infância e disseminar os conhecimentos, visto que muitos egressos atuam no nível publico e privado e em Universidades em diversos estados do Brasil.

Estes fatos justificam a necessidade de ensino de dermatologia pediátrica aos profissionais de outras áreas, no caso

pediatras, para que o atendimento desses pacientes em Atenção Primária seja efetivo e adequado e que a necessidade do

encaminhamento ao especialista seja prontamente conseguida.